Família

JOÃO

E se eu te falar que nada na minha vida é por acaso?


A minha cor preferida

O almoço que vou pedir amanhã

A música que eu peço no carro

Minha mania de caixa de ferramentas

Meus olhinhos brilhando quando vejo um cachorro


E se eu te disser que nada disso é coincidência?


A profissão que eu quero ter

A quantidade de filhos que eu imagino

Os nomes das minhas pelúcias


E se eu te disser... você está preparado?

Preparado pra saber que é você o culpado por tudo?


Pelo bom dia que falo com o vizinho

Pela minha "boca boa" que a vovó elogia

Pelos abraços que distribuo pra família


Os elogios sempre são pra mim. Mas a culpa é sempre sua.
Obrigado por isso!