Gestante

THEO

Você escutou seu filho pequeno falar que ontem ele vai na praia e que amanhã ele comeu chocolate.

Ouviu pedidos de mais cinco minutos no parque.

Suportou o choro de não querer ir embora da festa.


E até agora você não entendeu nada.


Você fez calendário colorido pra ele "aprender" os dias da semana.

Avisou que quando você chamar, é pra vir.

Você disse que se for assim, não volta da próxima vez.


E até agora você não entendeu nada.


Você deixou as sobremesas pro sábado e domingo.

Disse que aquele era o último desenho.

Avisou antes que não queria pirraça na hora de ir embora.


E você continua sem entender nada.


Eu acredito que as crianças, de alguma forma, sabem que a infância é a melhor fase da vida. O ontem e o amanhã, para o filho pequeno, não é nada perto do HOJE. De algum jeito eles sabem que a infância é curta e encantadora o suficiente pra ser vivida intensamente cada mísero segundo. E ir embora significa uma festa de criança a menos.


Qual foi o último aniversário que você levou sacolinha pra casa?

Qual foi a última vez que você brincou na rua?


Se você soubesse que seria a última vez você pediria mais cinco minutos? Choraria pra não ir embora?


Talvez você entenda alguma coisa.