\ porque fazer um ensaio da sua família?

125
2min de leitura

Uma vez li em algum lugar que dentro de três gerações nós seremos esquecidos. E me dei conta que só conheço minha família até meus bisavós. Eu tenho um palpite que pode explicar: não existem fotos de antes deles!

Nossas memórias mais fortes sempre coincidem com momentos que temos fotos! Viagens, aniversários, festa de escola... as fotos constroem a memória mais do que a própria realidade!

A gente escuta tanto que o tempo passa, que a infância é limitada, que vamos sentir saudade de pequenos momentos, né? Piqueniques num fim de tarde, um dia na piscina, a rotina que hoje nos deixa loucos! Mas... o que temos feito já que isso não é novidade?

Você nunca mais será amado assim novamente, sabia? Deixa isso entrar no seu coração. O jogar pra cima acaba. O "mamãe, olha o que eu sei fazer" também. De repente almoçar em família não é o melhor programa pra aquele domingo.

Há quem diga que prefere esperar os filhos crescerem um pouco mais antes de investir num ensaio. Esses, quando os filhos crescerem, vão implorar para o tempo voltar. O máximo que eles vão conseguir será uma fotografia das crianças ainda pequenas. Há quem diga que não vale a pena fazer um ensaio porque os filhos não param quietos. Esses, quando se libertam das poses engessadas e da preocupação do laço sair milimetricamente perfeito na cabeça da criança, se deliciam com fotos verdadeiramente espontâneas com a família inteira se divertindo junta. Há quem diga, também, que não gosta de foto. Mas e de conviver com seus filhos, você gosta? Esses, que não gostam de se ver em fotos, um exercício bom pra se fazer hoje: olhar suas fotos de 20, 30 anos atrás e tentar imaginar como você se verá como está hoje, só que daqui 50 anos.

Quando o tempo passar e tudo ficar somente na saudade, eles só vão querer ver vocês todos juntos mais uma vez.

BAIXE AQUI O PDF COM ESSE POST PARA VOCÊ COMPARTILHAR COM UMA FAMÍLIA


\ porque fazer um ensaio da sua família?

Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Copiar URL

Quem viu também curtiu

\ o que seu filho espera que você cuide por ele

\ como nascem as memórias

\ carta aberta às crianças que ainda não nasceram